Filosofia >

Filosofia não é lógica

• 2141 dias astrás


É muito interessante a relação que Olavo de Carvalho estabelece neste vídeo entre a gramática e a literatura e a lógica e a filosofia.

A literatura não pode existir sem a gramática, a sua existência está condicionada a existência da gramática, mas saber gramática não significa saber escrever obras que serão degustáveis.

O mesmo acontece na relação entre filosofia e lógica, é impossível se filosofar sem utilizar da lógica, mas saber conceito lógicos não significa que um individuo será capaz de filosofar, e aqui a relação é muito mais complexa.

Para filosofar nos dias atuais é necessário ter conhecimentos em lógica, gramática, matemática, ciência, religião, história da filosofia, enfim é preciso ter um conhecimento global e saber relacionar os diversos conhecimentos através da lógica.

Quando filosofamos exercitamos nossa mente e relacionamos os conhecimentos que temos, fazemos silogismos e obtemos conhecimentos novos, que estarão certos ou errados, se fizemos uso correto da lógica e também se nossos axiomas, ou seja, nossas premissas eram verdadeiras.

Podemos usar da lógica de forma correta, mas podemos nos basear nas premissas erradas, e consequentemente teremos uma conclusão que não corresponde com a realidade. Dessa forma, é preciso ter um conhecimento em todas as áreas, para garantir que estaremos usando premissas coerentes.

Dessa forma a relação entre Filosofia e Lógica é diferente da relação entre literatura e gramática, onde nesta última é preciso apenas mais um componente para fechar a equação, claro que esse componente é de um valor inestimável, que é a criatividade.

Enfim, apenas um vídeo para refletirmos um pouco.

Quer ler mais sobre filosofiaciênciaeconomia e história? Acesse o maior portal de filosofia do país, A Filosofia!

Por: Caio Mariani | www.afilosofia.com.br | caio@afilosofia.com.br | Imagem de capa: blog.talkingphilosophy.com