Filosofia >

A beleza e a filosofia estão diretamente ligadas

• 1950 dias astrás

A beleza e a filosofia estão diretamente ligadas. Se pararmos para pensar grandes escritores, letras musicais, além de pensadores sempre tinham em suas mentes algo belo, fosse uma mulher, um homem, uma momento, uma imagem. A mulher por si só já e bela em todo seu conteúdo, em todas as suas curvas. Muitas vezes nos perguntamos se o belo está no produto ou em quem o contempla. Monalisa, Torre Eiffel, Pirâmides do Egito, Capela Sistina, a Santa Ceia, entre outras belas obras, será que quem as produziu as venera tanto quanto quem as contempla?

Buscamos a beleza aonde nos convém, beleza não é um padrão, já diria o dito popular: “ Quem ama o feio, bonito lhe parece”.

A beleza hoje esta diretamente ligada com a autoestima, às pessoas inúmeras vezes querem ficar bonitas para melhorá-la e estando com a autoestima em alta com toda certeza afeta a cabeça das pessoas, deixando-as mais alegres, dispostas, com vontade de vencer e de fazer acontecer. Uma pessoa que não se acha bonita fecha-se em seu mundo, não permite que outras façam parte de suas conquistas, se é que elas irão existir, uma vez que se ela não está bem consigo mesma não conseguirá fazer parte de ciclos sociais. A jornalista e guru de beleza, Juliana Goes, recentemente lançou um Curso de Maquiagem Online o explica: "meu Curso de Maquiagem não só ensina tudo sobre a automaquiagem, mas tambem mostra como a maquiagem mudou a minha vida". 

A beleza é muito estereotipada pelo exterior enquanto esquecemos que a verdadeira beleza está no interior. Uma pessoa linda por fora dentro de um padrão estipulado pela sociedade, porém que faz maldades, que não respeita as pessoas e que só faz coisa ruim com toda certeza não lhe parecerá bonita, porém uma pessoa não tão bela conforme os padrões sociais mas que faz totalmente o oposto, cuidando dos outros, sendo gentil, cordial entre outras boas ações com toda certeza será vista com os olhos da beleza.

Por isso que a beleza não pode ser estereotipada, pois a beleza está no que somos e não no que parecemos.